Mourinho diz que Van Dijk "é insubstituível" no Liverpool e deixa recado ao Chelsea

Tottenham defronta esta quinta-feira a formação de Jürgen Klopp

O Tottenham, de José Mourinho, defronta esta quinta-feira o Liverpool de Jürgen Klopp, na 20.ª jornada da Premier League. Na antevião do encontro, o treinador português comentou que, Van Dijk "é insubstituível" na equipa adversária, mas que também ele já teve de lidar com a ausência de Harry Kane, entre outros. 

"Van Dijk é insubstituível, há jogadores que não podem ser substituídos. Aconteceu-nos o mesmo quando Harry Kane esteve lesionado. Não é possível substituir Harry Kane, assim como não é possível substituir Van Dijk", referiu Mourinho, sublinhando: "Perdemos o Son, perdemos o Kane, perdemos o Bergwijn, perdemos o Lamela... Como lidámos com isso? Milagres não há", referiu.

"[O Liverpool] tem bons jogadores, jogadores experientes, Fabinho pode jogar em qualquer lugar...", exemplificou.

Mourinho, que no passado levou o Chelsea ao sucesso, foi também questionado sobre a contratação de Thomas Tuchel: "Não se pode comparar o trabalho no PSG com o trabalho na Premier League. Não é possível comparar", disse o atual treinador do Tottenham.
Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Tottenham

Notícias

Notícias Mais Vistas