Record

Brasileiro irritou Cristiano Ronaldo mas 'ganhou' pedido de desculpas e a camisola do CR7

Wallace fala em encontro memorável diante da Juventus

• Foto: Reuters
Com Cristiano Ronaldo do outro lado, cada jogo da Juventus é visto como uma oportunidade de ouro para fazer um brilharete. Foi assim na primeira jornada da Serie A, com o guarda-redes Stefano Sorrentino, e também foi da mesma forma neste segundo encontro, diante da Lazio. Desta feita o destaque não foi o guarda-redes romano, mas sim o brasileiro Wallace, defesa ex-Sp. Braga que teve a missão de marcar o CR7 nesse encontro.

Uma missão ingrata para o brasileiro, que mesmo assim, apesar da derrota no marcador, acabou por sair vencedor neste duelo. Vencedor no duelo e também de uma camisola do melhor do Mundo... Tudo isto num duelo onde irritou CR7 e onde até 'ganhou' um pedido de desculpas por causa disso.

"No meio do jogo, ele ficou um pouco irritado porque eu fiz uma ou duas faltas. Parecia um pouco insatisfeito, stressado comigo. E para minimizar isso veio até mim pedir desculpas. Já que ele fala português, pelo que fica muito mais fácil. Trocámos umas ideias e deu-me os parabéns pela exibição. Foi quando lhe pedi a camisola... e ele deu!", revelou ao Globoesporte o brasileiro, que não tem dúvidas daquilo que fará àquela camisola:"Vou colocá-la num quadro. E não vou deixar ninguém tocar-lhe!"

Wallace lembrou ainda tudo o que foi dito antes do encontro, tendo algumas declarações servido como combustível para 'voar' em campo. "Durante a semana fui acompanhando as redes sociais. Por aqui todos diziam que seria muito difícil para mim, que o Cristiano Ronaldo ia deitar e rolar, que eu não ia conseguir fazer nada, não ia conseguir tirar-lhe a bola. Isso foi bom para mim, pois motivou-me. Coloquei na cabeça: 'Tenho de fazer uma partida perfeita, não posso jogar mal'. Se entrasse desconcentrado, ele ia fazer o que faz de melhor", admitiu o brasileiro, que no final do encontro sentiu ter feito uma "atuação quase perfeita"

"Para mim, foi uma partida que marcou bastante. Do lado de lá estava ninguém menos do que o melhor jogador do mundo, o Cristiano Ronaldo. Foi uma experiência incrível", finalizou o jogador de 23 anos.
Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

M