Cassano recusa China: «Futebol é na Europa»

Avançado terminou contrato com a Sampdoria

• Foto: Getty Images

O antigo avançado do Real Madrid e da Roma Antonio Cassano disse esta terça-feira ter recusado uma oferta de um clube chinês, tendo o ex-internacional italiano alegado que "futebol é na Europa".

Cassano, de 34 anos, terminou na semana passada o contrato com a Sampdoria, mas não pretende concluir ainda a carreira.

"Eu ainda quero jogar e divertir-me, porque eu vivo para o futebol. Vou aceitar com entusiasmo qualquer oportunidade interessante", disse o avançado ao canal italiano Mediaset Premium.

No entanto, jogar no campeonato chinês não é opção para Cassano.

O jogador sublinhou que, "do ponto de vista desportivo", a China não se enquadra com o seu estilo de jogo e acrescentou que "a beleza do futebol é a competição e o confronto com o melhor, não é o dinheiro".

Cassano, considerado um dos maiores talentos italianos no início do milénio, já passou por clubes como Roma, Real Madrid, AC Milan e Inter de Milão.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.