Líder da arbitragem em Itália quer garantias: «Não vamos mandar árbitros arriscar as suas vidas»

Marcello Nicchi e o regresso das competições de futebol no país

• Foto: Getty Images

O presidente da Associação de Italiana de Árbitros exige garantias da parte das entidades que regem o futebol no país, caso decidam fazer regressar as competições nos próximos tempos. Marcello Nicchi diz que não quer ver  árbitros a arriscarem as suas vidas.

"Antes de pensarmos nisso [regresso do futebol] temos de nos concentrar no presente e na luta que estamos a travar contra o coronavírus. Os árbitros são pessoas de regras, como sempre respeitaremos aquilo que for determinado pelo governo ou pela federação. Mesmo no meio deste drama, estamos a trabalhar na perspetiva de haver um recomeço, mas a data em que isso acontecerá não depende de nós", considerou aquele responsável à 'Radio Sportiva'.

"Estamos prontos para reiniciar 'o motor' mas não podemos mandar árbitros arriscarem as suas vidas. Precisamos de garantias. Neste momento está tudo parado, toda a gente está em casa, mas estaremos a postos, não obstante este momento difícil. Queremos ser protagonistas da reconstrução", acrescentou.

Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0