Milan elege Stefano Pioli

Opção Mourinho cai por terra e o Milan escolhe para treinador um... adepto do rival Inter

• Foto: Reuters

Stefano Pioli vai treinar o Milan nas próximas duas temporadas, sucedendo a Marco Giampaolo, que deixa a equipa rossonera no 13º lugar, volvidas 7 jornadas na Serie A. Por terra cai, assim, a opção José Mourinho, treinador que não considerou o projeto suficientemente apelativo e, em termos afetivos, se mostrou sempre demasiado próximo do rival Inter.

Até ao momento sem clube, Stefano Pioli assina um contrato de duas épocas, auferindo 1 M€ na primeira e 1,5 M€ na segunda. Um salário bem mais modesto do que o exigido por Luciano Spalleti, outro dos alvos, que queria 4 M€ e 4,5 M€, respetivamente.

A escolha de Stefano Pioli tem sido tudo menos pacífica no ‘universo Milan’. Assim que se soube que o clube rossonero escolhera este treinador, de 53 anos, uma vaga de protestos inundou as redes sociais, nomeadamente o Twitter, sob o lema... ‘Pioli Fora’! Porquê? Porque Stefano Pioli fez bastantes elogios ao rival Inter durante a curta passagem [de novembro de 2016 a maio de 2017] pelo banco nerazzuri. O que disse ele nessa altura? Excedeu-se, claro, não pensando no futuro a médio prazo. "Toda a minha família é do Inter. A minha profissão levou-me a outras paragens, mas nunca deixei de ter fé no Inter. Cresci com o cântico ‘ganharemos o scudetto com Beccalossi e Pasinato [dois jogadores do Inter nas décadas de 70 e 80 do século XX]", disse o técnico, sofrendo agora as consequências.

Por Nuno Pombo
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.