Presidente da Sassuolo, Giorgio Squinzi, morreu aos 76 anos

Dirigente italiano faleceu, esta quarta-feira, no hospital San Raffaele, em Milão

• Foto: Twitter

Giorgio Squinzi, presidente da Sassuolo de 76 anos, faleceu esta quarta-feira no hospital San Raffaele, local onde estava hospitalizado há algumas semanas. 

Nascido em Cisano Bergamasco, em 1943, o dirigente italiano comprou a Sassuolo em 2002, altura em que a equipa estava no terceiro escalão italiano e, após vários investimentos, conseguiu com que os 'neroverdi' chegassem até à Serie A, principal escalão italiano de futebol.

Após a morte de Giorgio Squinzi ter sido noticiada, o município de Sassuolo informou que vai proclamar um dia de luto em honra ao presidente do clube. "Sassuolo perde um amigo, um grande homem antes mesmo de ser um grande empreendedor", escreveu a direção do município no site oficial.

Relembre-se que o Giorgio Squinzi era dono da empresa Mapei, produtor mundial de tintas, e ocupou ainda o cargo de presidente da Confederação da Indústria Italiana (Confindustria), entre 2012 e 2016.
 

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.