Tragédia em Itália: jogador do Cittadella atropela mortalmente funcionário do próprio clube

'Faz tudo' da equipa da Serie B foi atropelado por Christian D'Urso quando seguia na sua bicicleta

• Foto: Getty Images

O Citadella, da Serie B do futebol italiano, está de luto pela morte de Lino Simonetto, de 77 anos, um dos elementos mais emblemáticos do clube de Padua, onde trabalhava há largos anos como uma espécie de 'faz tudo'. E não bastasse a trágica morte de uma das suas figuras, sabe-se agora que a tragédia terá sido provocada por Christian D'Urso, médio que atua na equipa principal do clube.

A informação foi adiantada pelo 'Il Gazzettino', que dá conta que tudo terá sucedido a 23 de abril, logo pela manhã, no centro de treinos do clube, quando o jogador acabou por atropelar o funcionário quando este seguia na sua bicicleta. De imediato, o médio, de 23 anos, chamou por ajuda e o próprio Simonetto ter-se-á levantado pelo próprio pé. Mesmo assim foi transportado para o hospital, fez exames que deram resultados positivos, até que o seu estado de saúde subitamente terá piorado. Entrou em coma e viria a falecer seis dias depois.

Agora, segundo a mesma publicação, o jogador está a ser investigado pelas autoridades e poderá ser acusado de atropelamento mortal.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.