Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias. Seguir

Antigo árbitro da Serie A atira-se a Mourinho: «Esta gente não devia poder ir para o banco»

Paolo Casarin não gostou das críticas do treinador português ao juiz nomeado para o jogo da Roma com o Sassuolo

• Foto: EPA
Paolo Casarin, antigo árbitro italiano, não gostou de ouvir José Mourinho criticar Matteo Marcenaro antes do jogo com o Sassuolo, que a Roma acabaria por ganhar, por 2-1. O treinador português disse que o árbitro em questão não tinha "a estabilidade emocional para trabalhar a este nível" e a federação italiana abriu um procedimento disciplinar visando as polémicas declarações do técnico.

"O Marcenaro arbitrou bem e a Roma ganhou, depois de beneficar de uma expulsão de um adversário e de um penálti", explicou Casarin, na Radio 1, sublinhando que os lances em questão foram bem ajuizados. "Isto acontece em muitos jogos, mas quando vejo um grande treinador como Mourinho dizer certas coisas antes dos jogos, não me parece correto."

E prosseguiu, no mesmo tom crítico: "Não devia haver liberdade para criticar antes de os jogos sequer acontecerem, mencionando coisas sem valor. Esta gente não devia poder ir para o banco. Um grande treinador não faz isto."

Recorde-se que, em protesto com o facto de a federação lhe ter instaurado um processo, Mourinho falou em português na flash-interview depois do jogo.

José Mourinho responde somente em português na flash: «O meu italiano não é suficientemente forte...»
Por Isabel Dantas
3
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Roma

Notícias

Notícias Mais Vistas