Mourinho diz que o VAR "não é o peixe" que lhe venderam: «Eu já não festejo golos»

Treinador considera que a tecnologia mudou as emoções do jogo

• Foto: Vítor Chi

José Mourinho considera que o VAR mudou algumas coisas no futebol e não é aquilo que estava à espera. Numa entrevista à 'GQ Portugal', o treinador português da Roma considera que o futebol está a mudar. 

"Eu já não festejo golos. Antigamente, por experiência, quando a minha equipa marcava olhava para o fiscal de linha, se ele estivesse a correr para o meio campo festejava. Agora, olho para o monitor que tenho ao meu lado, olho para todo o lado, espero, espero e espero, e só acredito quando há o reatamento do jogo. Ao nível emocional isto muda radicalmente as nossas rotinas", explicou o técnico

"Antes do VAR houve a tecnologia da linha de golo, sempre disse 'fantástico'. Principalmente porque perdi uma Champions com uma bola que não tinha entrado. Estive nas primeiras reuniões em que se falou do VAR e o peixe que nos venderam na altura foi que o VAR era para situações de erro óbvio. Todos dissemos 'óitimo'. Mas uma coisa foi o peixe que nos venderam e outra foi a interpretação das coisas. Estamos numa situação em que quem tem o poder institucional tem de tomar medidas sérias. O futebol está alterar-se e as emoções também", analisou.

Por Record
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Roma

Notícias

Notícias Mais Vistas