Vilafranquense-Feirense, 1-1: Empate com dois golos de bola parada

Ribatejanos abriram ativo

• Foto: Vilafranquense

O Vilafranquense e Feirense empataram a uma bola em jogo da 18.ª jornada da 2ª Liga portuguesa de futebol, com ambos os golos a surgirem na segunda metade, de bola parada. Os ribatejanos estrearam no onze inicial o lateral esquerdo, Rafael Furlan, enquanto a formação fogaceira estreou o médio João Amorim.

Sinal mais na fase inicial para o Feirense, mais pressionante e acutilante. O brasileiro Edson Farias com espaço à entrada da área rematou ao poste da baliza de Maringá, com a bola a sair pela linha de fundo.

Após a primeira meia hora, os ribatejanos começaram a criar perigo e aproximaram-se do meio campo contrário. Um centro de Filipe Brigues na direita, Pepo tentou desviar, mas o guarda redes Caio Secco defendeu para canto, quando já se aproximava o goleador João Vieira.

Antes do intervalo, um remate frontal de Pepo levou muito perigo à baliza de Caio Secco. Os homens de Vila Franca de Xira sacudiram a pressão inicial do Feirense e estavam a criar mais lances de perigo.

Filipe Moreira viu-se obrigado a mexer no 'onze' com a entrada de Denis Martins para o lugar de Diogo Izata, devido a lesão. O mercado de inverno voltava a funcionar no Vilafranquense com a estreia do médio Kady para o lugar de Filipe Oliveira.

Com o Feirense a não chegar ao golo, Filipe Rocha aposta em colocar homens frescos na frente de ataque, Ença Fati e Pedro Henrique.

No entanto, quem marcou foram os ribatejanos. Pontapé de canto apontado para dentro da área, por Kady, com Denis Martins, de cabeça, a marcar.

De seguida, também na sequência de um pontapé de canto apontado por Feliz, a bola é desviada ao primeiro poste por Tiago Mesquita e Guilherme Ramos surge a saltar mais alto do que a concorrência a restabelecer a igualdade.

A precisar de pontos e com o Feirense a pressionar muito, o Vilafranquense não deixou fugir mais um ponto nos quatro minutos que David Silva deu de compensação.

Jogo no Estádio Municipal de Rio Maior.

Vilafranquense - Feirense,

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

1-0, Denis Martins, 75 minutos.

1-1, Guilherme Ramos, 87.

Equipas:

Vilafranquense: Maringá, Alan Bidi, Diogo Izata (Denis Martins 57), Kassio Fernandes, Brigues, Rafael Furlan, Ulisses, Pepo, Filipe Oliveira (Kady 64), Nikita Korzun e João Vieira (Wilson Santos 80).

(Suplentes: Rodrigo Josviaki, Tarcísio, China, Kady, Denis Martins, Gustavo Tocantis e Wilson Santos).

Treinador: Filipe Moreira.

Feirense: Caio Secco, Tiago Mesquita, Ícaro Silva, Guilherme Ramos, Zé Ricardo, Bruno Ramires, João Amorim (Vítor Silva 67´), Edson Farias (Ença Fati 69), Feliz, Abel Camará (Pedro Henrique 73´) e Fábio Espinho.

(Suplentes: Benjamim, Ença Fati, Vítor Silva, Ricardo, Elves Baldé, Ruça e Pedro Henrique).

Treinador: Filipe Rocha

Árbitro: David Silva (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Alan Bidi (36), Ícaro Silva (38), Ulisses Oliveira (63) e Maringá (84).

Assistência: cerca de 300 espetadores.

Por Lusa
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Lusa

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0