Hugo Laurentino com ato heróico em Ovar

Guardião salvou pessoa

O guarda-redes de andebol do FC Porto, o internacional Hugo Laurentino, protagonizou um ato heroico e de coragem, ao salvar a vida a Manuel Bastos Fazenda, que sofreu um acidente de automóvel na ligação entre Porto e Ovar.

"Aconteceu tudo à minha frente. Um carro embateu noutro, que entrou em despiste e se incendiou. Tudo fiz para libertar uma pessoa que ficou encarcerada, perante a indiferença de outros. Parti vidros, pedi ajuda, que acabou por ser muito difícil de conseguir, e lá consegui libertar o homem, pouco antes de o carro ficar completamente incendiado", revelou Hugo Laurentino, recentemente homenageado pela Câmara Municipal de Ovar, com um Voto de Louvor.

"Fiquei surpreendido, porque não estava à espera da iniciativa, que partiu da PSP por eu ter salvo uma vida. Nem sabiam que eu era uma figura pública desportiva, o que torna a distinção ainda mais valiosa", adiantou Tino, como também é apelidado.

O guardião, de 32 anos, deixou uma mensagem à comunidade: "Mesmo arriscando a vida, voltaria a fazer tudo da mesma forma. Só fiquei desiludido com a indiferença das pessoas perante um acidente em que poderiam estar elas próprias ou até um familiar.

Por Alexandre Reis
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Andebol

Notícias

Notícias Mais Vistas