Treinador do Sporting vê "portugueses mais disciplinados" do que os franceses

Thierry Anti quer viajar para Nantes

• Foto: Nuno Fonseca / Movephoto

Thierry Anti, treinador de andebol do Sporting, teceu esta terça-feira elogios à forma como os portugueses estão a encarar a pandemia do novo coronavírus, por oposição aos relatos que lhe chegam do país-natal, França.  

"Aqui não há quarentena obrigatória, mas as pessoas são muito disciplinadas, muito mais do que em França. As lojas, os bares e restaurantes permanecem abertos, mas os portugueses respeitam as indicações, as distâncias de segurança... Não há aglomerados, as pessoas não se aproximam de ti. É como se tivessem previsto esta situação", elogiou o técnico francês, de 61 anos, que pretende viajar até Nantes, a sua terra-natal.

"Espero poder regressar a França mas se o conseguir, não tenho a certeza de que possa voltar a Portugal depois disso", vincou ao portal 'francetvinfo', o treinador que já acertou contrato com o Aix-en-Provence, a partir de junho de 2021.

Contudo, há uma situação em Portugal que deixa Anti relutante. "Aqui quando estás doente não vais diretamente ao consultório médico, não há consultas, és obrigado a ir diretamente ao hospital. E quando lá estás tens horas de espera", vincou o treinador que chegou ao Sporting no início de 2019/20.

Em Portugal, há 448 pessoas infetados e apenas uma morte registada. Em França, são já 7,730 o número de casos positivos de coronavírus e 175 mortes a lamentar.

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Andebol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.