Campeão mundial Obi Igbokwe suspenso 30 meses por doping

Norte-americano falha presença nos Jogos Olímpicos e nos Mundiais de 2022

• Foto: Action Images

O norte-americano Obi Igbokwe, campeão da estafeta 4x400 metros dos Mundiais de atletismo de Doha em 2019, foi esta quinta-feira suspenso por 30 meses por doping pela agência norte-americana antidopagem, a USADA.

O uso de esteroides anabólicos pelo atleta de 24 anos, que não chegou à final nos últimos mundiais, deixa-o de fora dos Jogos Olímpicos Tóquio'2020 e dos Mundiais de 2022.

"Igbokwe aceitou a suspensão pela violação das regras. Testou positivo a DHCMT e/ou outros esteroides anabólicos, detetados numa amostra de urina tomada fora de competição, em 26 de maio de 2020", pode ler-se na nota da USADA.

Por Lusa
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.