Etíope suspenso por dois anos devido a agressão a treinador

Chala Beyo perdeu a cabeça ao saber que não tinha sido convocado para os Mundiais

• Foto: Getty Images

O jovem Chala Beyo, de 21 anos, foi esta semana suspenso por dois anos pela Federação de Atletismo da Etiópia (EAF), depois de ter agredido o treinador Yohannes Mohammed, ao saber que não fazia parte da equipa convocada para disputar os Mundiais de Londres - evento que arranca a 4 de agosto.

Especialista dos 3000 metros obstáculos, o atleta terá confrontado o técnico aquando um evento realizado em Addis Ababa, estando de momento em parte incerta. "O Chala ficou irritado, deu um soco ao Yohannes no olho e fugiu", detalhou Sileshi Bisrat, porta-voz da EAF, que deu ainda conta de que Beyo estará de momento a ser procurado pela polícia.

Chala Beyo, de 21 anos, é o campeão africano em título da sua especialidade, mas tal estatuto não lhe chegou para convencer a equipa técnica etíope a levá-lo a Londres.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.