Patrícia Mamona e Irina Rodrigues em bom nível no duelo da Europa frente aos EUA

Portuguesas pontuam com segundo lugar no triplo salto e quarta posto no lançamento do disco

• Foto: EPA

Patrícia Mamona, segunda no triplo salto, e Irina Rodrigues, quarta no lançamento do disco, pontuaram bem para a seleção da Europa, no encontro de atletismo com a seleção dos Estados Unidos, que decorre em Minsk até terça-feira.

Únicas representantes lusas no 'The Match', depois de Nelson Évora e Pedro Pablo Pichardo terem declinado o convite, estiveram ambas a bom nível, sendo Mamona a melhor europeia em prova e Irina a segunda, apenas atrás da croata Sandra Perkovic, bicampeão olímpica e mundial, que triunfou.

Mamona abriu o concurso com 14,21 metros, marca que não superou depois, registando ainda mais três saltos acima dos 14,00 metros, além de dois nulos.

Deu para liderar a prova até à quarta série de saltos, quando a norte-americana Tori Franklin atingiu os 14,36 metros, dando assim os nove pontos à sua equipa. As restantes pontuaram de sete até um ponto, pelo que a portuguesa contribuiu com sete pontos para a seleção continental.

Franklin e Mamona confirmaram os mínimos para os Mundiais de Doha, para que já estão selecionadas.

No disco, Irina Rodrigues lançou a 60,87 metros, ao terceiro ensaio, o que lhe garantiu o acesso aos ensaios finais do concurso. Para a seleção, deu cinco pontos.

Favorita absoluta, na ausência das rivais cubanas (Yaime Perez e Dania Caballero), Perkovic resolveu tudo com um lançamento final a 67,65 metros, à frente das norte-americanas Laulauga Tausaga-Collins (63,71, melhor sub-23) e Valarie Allman (62,44).

Todas estas lançadoras também irão competir em Doha2019.

A primeira edição do 'The Match Europe vs USA' disputa-se em Minsk até terça-feira, com quatro atletas por seleção, em moldes semelhantes à Ryder Cup, no golfe.

Estão representadas a maioria das provas do calendário oficial de pista, sendo que não há 5.000 e 10.000 metros (substituídas pelos 3.000 metros) e 4x400 metros (no seu lugar aparece uma estafeta de percursos desiguais).

No final do primeiro dia, a Europa lidera com 331 pontos, contra 304 dos Estados Unidos.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.