Portugal organiza Europeu de corta-mato em 2019

Associação Europeia de Atletismo deu o seu acordo à candidatura de Lisboa

• Foto: Bruno Teixeira Pires

Portugal volta a receber, em 2019, o campeonato da Europa de corta-mato, com a Associação Europeia de Atletismo a dar esta sexta-feira o seu acordo à candidatura de Lisboa.

A decisão do conselho da EAA, reunido esta sexta-feira em Liubliana, foi tomada por unanimidade, permitindo a Portugal receber pela terceira vez o evento, depois de Oeiras'97 e Albufeira2010.

A edição de 2019, a 26.ª dos Europeus de crosse, segue-se a Samorin, Eslováquia, já no próximo dia 10 de dezembro, e a Tilburgo, Holanda, anfitriã em 2018.

A EAA recorda a "organização memorável" dos Mundiais de 1985, que Carlos Lopes ganhou, pouco meses depois de se ter sagrado campeão olímpico da maratona em Los Angeles.

"Portugal tem sido uma das potências do crosse na Europa desde há anos, com vários campeões famosos, pelo que é um prazer podermos dizer que vamos lá voltar", comentou Svein Arne Hansen, presidente da EAA.

"Estou certo que os campeonatos vão ser excelentemente organizados, como as duas prévias edições em Portugal, e isso é uma das principais razões porque os selecionamos. O crosse é popular não só entre os corredores mas também entre os espetadores, pelo que espero por muita gente a assistir", disse ainda Hnsen.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.