Rússia elege novo presidente da ARAF

Dmitry Shlyakhtin promete recuperar reputação

• Foto: Reuters

A Federação Russa de Atletismo (ARAF) elegeu este sábado um novo presidente, o burocrata Dmitry Shlyakhtin, que prometeu restaurar a reputação da modalidade, após um escândalo de doping, que levou à suspensão do organismo.

Shlyakhtin, que era responsável pelo desporto na região de Samara, foi apoiado pelo ministro do Desporto, Vitaly Mutko, e eleito de forma unânime, depois dos dois outros candidatos se retirarem.

O novo presidente da ARAF ficará no cargo nos próximos meses, pelo menos até depois dos Jogos Olímpicos Rio'2016, devendo haver uma nova eleição em setembro ou outubro, referiu Mutko.

"Neste difícil período para o atletismo russo, a minha tarefa é simples, voltar a colocar a federação a um nível internacional, recuperar a confiança da IAAF [Associação Internacional das Federações de Atletismo] e da AMA [Agência Mundial Antidopagem], dar aos nossos atletas a oportunidade de competirem a nível internacional", referiu Shlyakhtin.

A IAAF suspendeu provisoriamente a ARAF em novembro, impondo depois várias condições para readmiti-la, como o afastar todos os dirigentes e técnicos com ligações ao doping. Na lista de Shlyakhtin não está nenhum elemento das anteriores direções da ARAF.

Esta suspensão surgiu depois de a comissão independente da AMA ter publicado um relatório, em que acusava a Rússia do uso sistemático de doping, que contava com o apoio do estado.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0