Sporting muito perto de Benfica nos masculinos do Nacional

Clube de Alvalade lidera destacado no setor feminino

O Sporting terminou a primeira jornada do campeonato nacional de clubes de atletismo com apenas dois pontos de atraso para o campeão Benfica, em masculinos, remetendo para a tarde de domingo a decisão do título.

Em Leiria, onde decorrem as provas da I, II e III divisões, o equilíbrio do setor masculino contrasta com o já esperado domínio das 'leoas', no setor feminino, que partem para o segundo dia com 22 pontos à melhor sobre as rivais.

Nos homens, o Benfica tem 75 pontos contra 73 do Sporting, com o Sporting de Braga e a Juventude Vidigalense, de Leiria, já a distância assinalável, com 53 e 42 pontos, respetivamente. Completam a I Divisão Seia (31), Senhora do Desterro (30), Jardim da Serra (28) e Estreito (26).

A grande figura do atletismo masculino luso atual, Tsanko Arnaudov, deu o máximo de pontos ao Benfica lançando o peso a 19,90. Marco Fortes, do Sporting, foi distante segundo, com 17,72.

Nelson Évora (Sporting) foi ao salto em comprimento e não se saiu mal, ao ser segundo com 7,57 metros, só batido por Marcos Chuva, do Benfica, que chegou aos 7,71.

Voltará à pista domingo, para a sua prova de eleição, o triplo salto, sendo que o Benfica ainda não pode contar com o cubano Pedro Pablo Pichardo, um dos melhores especialistas a nível mundial.

Nos 1.500 metros, os 'leões' superaram muito bem a ausência de Hélio Gomes, suspenso por doping, com o regressado Paulo Rosário a ganhar em 3.55,59 minutos, com o benfiquista Emanuel Rolim em segundo (3.56,94).

O favoritismo de David Lima nos 100 metros confirmou-se plenamente: o benfiquista, que recentemente subiu a segundo português de sempre, triunfou com 10,30, contra 10,45 do sportinguista Carlos Nascimento.

Desfecho muito claramente favorável ao Benfica também na vara, com 5,40 minutos para Diogo Ferreira, contra apenas 5,05 de Ruben Miranda.

Leoas lideram destacadas

Em femininos, Anabela Neto (Sporting) continua perto do recorde na altura, mas ainda não foi desta: tentou 1,83 depois de ser a única a passar 1,78 metros - Lecabela Quaresma (Benfica), que deverá estar no heptatlo do Mundiais, parou a 1,74.

A benfiquista Marta Pen Freitas mostrou boa forma nos 1.500 metros (4.27,21), tal como as sportinguistas Lorene Bazolo nos 100 metros (11,43) e Cátia Azevedo nos 400 (53,18).

Irina Rodrigues, do Sporting, ganhou no disco, com 57,51, dez metros à frente da benfiquista Juliana Pereira.

Coletivamente, o Sporting está com 84 pontos, contra 62 do Benfica e 56 da Juventude Vidigalense. Seguem-se Estreito (44), Jardim da Serra (41), Sporting de Braga (39), GRECAS (36) e Senhora do Desterro (31).

Por Lusa
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.