Record

FC Porto conquista Taça de Portugal

Dragões bateram a Oliveirense no Algarve

O FC Porto conquistou este domingo a Taça de Portugal de basquetebol masculino, ao vencer na final a campeã Oliveirense por 83-80, sucedendo ao Illiabum na sua 14.ª vitória na prova.

No Arena de Portimão, os azuis e brancos, que não venciam a competição desde 2011/12 e que não ganhavam à formação de Oliveira de Azeméis há 21 jogos, chegaram ao intervalo empatados 39-39 com a equipa que venceu a fase regular da liga portuguesa.

Para chegar a este jogo, o FC Porto eliminou o Barreirense nos quartos de final, por 97-60, e a Lusitânia na meia-final (88-71), ao passo que a Oliveirense bateu o Imortal (94-66) e a Ovarense (79-55), equipa que tinha afastado o Benfica nos 'quartos'.

Com uma entrada em jogo de grande acerto e com o norte-americano William Sheehey em plano de evidência na concretização, o FC Porto cedo ganhou vantagem no marcador, com um parcial de 6-0 em três minutos, chegando ao final do primeiro período a vencer por 24-15, perante um adversário que demorou a responder ao melhor jogo dos portistas.

Porém, no segundo período, a Oliveirense surgiu melhor, com maior velocidade, com Travant Williams, James Ellisor e Pedro Pinto a iniciarem a recuperação para a formação vencedora da fase regular da Liga portuguesa, e a 1.41 minutos do intervalo virou o marcador a seu favor (39-37) com um triplo de André Bessa, tendo Pedro Pinto igualado poucos segundos depois.

O descanso fez bem à equipa de Norberto Alves que surgiu mais ofensiva, demonstrando maior eficácia ao alcançar 25 pontos no terceiro período, contra 14 do FC Porto, período no qual André Bessa, Marc-Eddy Norelia e Travant Williams foram os mais concretizadores, dando uma vantagem de 11 pontos (64-53) no final do terceiro tempo para a equipa da Oliveirense.

No derradeiro período, o FC Porto apresentou-se melhor fisicamente, apertou mais na defesa respondendo com maior eficácia na finalização e, a três minutos do final, operou a volta ao marcador (71-70) com triplos de William Sheehey e Bradley Tinsley, vantagem que foi dilatando até ao final, com os dois jogadores em destaque, ao concretizarem 38 dos 83 pontos.

Na formação da Oliveirense, Travant Williams (15) e Marc-Eddy Norelia (15) foram os mais concretizadores, mas também os que falharam mais lançamentos de meia distância.

Jogo no Pavilhão Arena, em Portimão.

FC Porto - Oliveirense: 83-80.

Ao intervalo: 39-39.

Sob arbitragem de Carlos Santos, Pedro Coelho e Paulo Marques, as equipas alinharam e marcaram:

- FC Porto (83): William Graves (11), Bradley Tinsley (20), William Sheehey (18), João Soares (12) e Sasa Borovnjak (12). Jogaram ainda Ferran Pedreno (3), Miguel Queiroz (1), Pedro Pinto (4), António Monteiro (2), Diogo Araújo e Pedro Bastos.

Treinador: Moncho López.

- Oliveirense (80): Travante Williams (15), Eric Coleman (12), José Barbosa, Marc-Eddy Norelia (15) e James Ellisor (14). Jogaram ainda Marco Loncovic (6), André Bessa (15), João Balseiro (1) e João Guerreiro (2).

Treinador: Norberto Alves.

Marcha do marcador: 24-15 (primeiro período), 39-39 (intervalo), 53-64 (terceiro período) e 83-80 (resultado final).

Assistência: cerca de 1.000 espetadores.
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Basquetebol

Notícias

Notícias Mais Vistas