Filho de Jean Jacques arrisca pesada suspensão e há até quem peça para que seja irradiado

Silvio de Sousa foi um dos responsáveis pela batalha campal no duelo entre Kansas e Kansas State

A carregar o vídeo ...
Tudo ao molho e fé em Deus: jogo de basquetebol nos EUA acaba ao murro e ao pontapé

Visto como uma das maiores promessas do basquetebol angolano e jogador com perspetivas de chegar à NBA no futuro, o jovem Silvio de Sousa, filho de Jean Jacques (antiga glória do basquetebol angolano e do Benfica), viu-se esta madrugada envolvido numa cena de pancadaria que poderá marcar para sempre a sua carreira.

A situação ocorreu no encontro entre Kansas Jayhawks e Kansas State, da NCAA, quando num incrível momento de loucura vários jogadores e dirigentes se envolveram em confrontos físicos nos quais o jogador angolano acabou por ser o mais 'violento'. De Sousa, que atua desde 2017 em Kansas, pegou mesmo numa cadeira e procurou lançá-la, isto para lá de ter desferido vários murros durante a confusão.

Ações que o colocaram no olho do furacão, com vários comentadores a apontarem pelo menos uma sanção exemplar acima dos dez jogos, mas há até quem fale numa suspensão até final da época ou mesmo para sempre. É o caso de Dick Vitale, prestigiado comentador da ESPN, que não teve dúvidas na sua análise. "Em 40 anos de televisão nunca vi nada assim. Por mim o De Sousa nunca mais deveria ser auorizado a jogar no campeonato universário. Tentou atirar uma cadeira... Isso é um crime, ele queria atingir alguém! Não quero sequer ouvir desculpas... Foi muito feio", considerou.

Equipa promete investigar

Ainda sem conhecimento de eventuais sanções gerais, os Kansas Jayhawks já reagiram aos incidentes e prometeram mão pesada. "A conduta de alguns dos nossos jogadores no jogo contra Kansas State foi simplesmente inaceitável e não reflete aquilo que somos enquanto equipa. Eu e o treinador vamos rever o incidente e, juntamente com a Big 12 Conference e a direção, vamos determinar as consequências apropriadas. Não há espaço para este tipo de atitudes tanto no basquetebol universitário como aqui em Kansas. Quero pedir desculpas a todos", declarou Jeff Long, adjunto de Bill Self.

Murros, pontapés e cadeiras pelo ar: filho de Jean Jacques no epicentro da confusão

Por Fábio Lima
6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Basquetebol

Notícias

Notícias Mais Vistas