Record

Moncho López: «Criar das melhores escolas da Europa»

técnico apresenta projeto do dragon force

Estes são os 18 jovens atletas que o treinador espanhol quer que joguem à FC Porto.
Moncho López: «Criar das melhores escolas da Europa» • Foto: AMÂNDIA QUEIRÓS

O Dragon Force apresentou, ontem, os jogadores com quem vai competir na Proliga. Sucessor do FC Porto, depois do clube liderado por Jorge Nuno Pinto da Costa ter suspendido a equipa sénior por divergências com a Federação Portuguesa de Basquetebol. O Dragon Force competiu nos escalões de formação na última época e, agora, surge na segunda prova federativa mais importante depois de ter solicitado a sua incrição na Proliga.

No comando deste projeto está Moncho López, o treinador que já liderou a Seleção Nacional e o FC Porto. E o técnico espanhol não podia ser mais ambicioso, neste novo desafio. “Criar uma das melhores escolas de basquetebol na Europa e na Península Ibérica”, disse.

O grupo de trabalho ao dispor de Moncho López é muito jovem – o mais velho é o regressado André Bessa (24 anos) – e por isso, o treinador do Dragon Force acredita no futuro destes jogadores: “Posso dizer com toda a certeza que no futuro na seleção sénior de Portugal estarão alguns dos jogadores que estão aqui connosco. Queremos que a modalidade no país ganhe qualidade. Queremos ajudar a federação fornecendo jogadores formados, educados e que joguem à FC Porto”, referiu o técnico Moncho López.

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Basquetebol

Notícias

Notícias Mais Vistas