A confusão que deixou Michael Jordan debaixo de fogo: «Foi uma piada no autocarro»

Lenda da NBA esclareceu polémica no documentário 'The Last Dance'

Michael Jordan tem sido uma voz ativa contra o racismo nos Estados Unidos e, na história recente, tem feito críticas ao presidente Donald Trump. Mas noutros tempos a lenda do basquetebol raramente falou sobre política. E quando o fez... deu polémica.

No documentário 'The Last Dance', a lenda dos Chicago Bulls lembrou um dos episódios de bastidores mais comentados, quando em 1990 não quis apoiar Harvey Gantt, um político afro-americano democrata, que concorria ao Senado da Carolina do Norte. Mas pior do que isso foi mesmo a justificação

"Meter-me em política? Não, obrigado: os republicanos também compram sapatilhas", referiu o ex-jogador da NBA, em alusão à sua marca de calçado desportivo.

Jordan foi criticado por, alegadamente, meter o seu negócio pessoal à frente da política. Agora, o antigo basquetebolista esclarece. "Não tenho nada a corrigir. Foi uma piada que fiz com Scottie Pippen e Horace Grant numa viagem de autocarro. Falei sem pensar. A minha mãe disse-me que me tinham pedido para participar na campanha de Gantt e eu disse-lhe que não queria falar por um homem que não conhecia, mas que enviaria o meu contributo para a campanha", referiu no documentário.

Harvey Gannt perdeu as eleições para o republicano Jesse Helms, tendo garantido apenas 47% dos votos, mas não ficou com rancor de Jordan. "Suponho que, se estava a construir a sua marca, não queria fazer isso. Se fosse agora, com mais de cinquenta anos e tudo o que conquistou, esperar-se-ia mais. De qualquer das formas, não pensei muito nisso", disse, à revista 'Time'.

Por Rafael Soares
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de NBA

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0