Jornalista que acompanhava os Bulls garante: «Michael Jordan mentiu de forma descarada»

Documentário 'The Last Dance' continua a causar muita polémica

• Foto: Reuters

O jornalista norte-americano Sam Smith, que acompanhou a equipa dos Chicago Bulls nos anos 80/90 e escreveu o polémico livro 'The Jordan Rules: The Inside Story Of A Turbulent Season With Michael Jordan And The Chicago Bulls', onde relata a postura autoritária do camisola 23 no seio da equipa, garante que Jordan mentiu no documentário 'The Last Dance', produzido pela ESPN sobre a carreira de 'Air'.

"Há muitas coisas no documentário que, não sei porquê, ou distorceu ou falseou. Não são coisas importantes, mas pareceu-me aqueles filmes para televisão baseados em factos reais. Foi isso, algo baseado numa história real", contou o antigo jornalista do Chicago Tribune no programa 'Bonta, Steiny & Guru'.

Depois, deu como exemplo a tentativa de regresso de Jordan na temporada de 1998/99. "Essa foi uma mentira completa e flagrante do Michael."

Mencionou também o caso 'The Flu Game', o jogo em que 'Air' estaria em deficientes condições físicas por ter ingerido uma pizza na véspera. "A história das pizzas não faz sentido nenhum."

Já sobre a segunda retirada disse: "Havia algumas coisas mais, mas o final é uma mentira descarada. Voltou e logo depois foi embora quando não o devia ter feito. E pretende que acreditem que o forçaram a sair? Quem força o Jordan a fazer o que quer que seja? A mentira é evidente, mas pronto... faz parte da mística de Michael."

3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de NBA

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0