Rockets garantem última vaga do playoff

Encontro marcado com Warriors após triunfo sobre os Kings

• Foto: USA Today Sports

Os Houston Rockets conquistaram na madrugada desta quinta-feira a última vaga no playoff da NBA, marcando encontro com os campeões Golden State Warriors, ao vencerem em casa os Sacramento Kings por 116-81.

Necessitados de triunfar, para não dependerem de um desaire dos Utah Jazz face aos Los Angeles Lakers, no jogo que marca a despedida de Kobe Bryant, os Rockets beneficiaram das muitas ausências nos Kings para vencerem com grande facilidade.

James Harden, com 38 pontos e quase 50 por cento nos 'tiros' de campo (13 em 27), foi o líder dos Rockets, bem secundado por Dwight Howard, com um 'duplo duplo' (14 pontos e 10 ressaltos).

Nos forasteiros, que atuaram sem os seus seis melhores marcadores - incluindo DeMarcus Cousins, Rajon Rondo ou Rudy Gay -, destaque para os 24 pontos de Ben McLemore, que acertou 10 de 19 lançamentos de campo.

O conjunto comandado pelo interino JB Bickerstaff arrancou forte (6-0, 10-2 e 17-5) e no final do primeiro período já vencia por 16 pontos, com 14 de James Harden, o segundo melhor marcador da época regular.

No segundo período, a vantagem dos anfitriões chegou aos 30 pontos (58-28, a 4.12 do intervalo), com os forasteiros a reagirem e, à base de 'triplos', a fecharem a primeira metade com 'apenas' 20 de desvantagem (64-44).

Após o intervalo, a diferença foi-se mantendo à volta das duas dezenas, até que Harden conseguiu, sozinho, um parcial de 12-1, passando o seu registo pessoal para 35 pontos e colocando-o os Rockets com 21 à maior (88-57).

Até ao final do terceiro período, e no quarto, o jogo não teve grande história e os Rockets chegaram tranquilamente o 41.º triunfo da época, conquistando, desta forma, a última vaga no playoff.

Na primeira ronda do playoff, os Rockets, oitavos da Conferência Oeste, com 41 triunfos e 41 desaires (em 2014/15 foram segundos, com 56-26), encontram os vencedores da fase regular e campeões em título, os já históricos Warriors.

Mais tarde, Kobe Bryant despede-se da NBA, na receção dos Los Angeles Lakers aos Utah Jazz, enquanto os Warriors tentam um inédito 73.º triunfo numa época, para baterem os 72-10 dos Chicago Bulls em 1995/96, face aos Memphis Grizzlies.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de NBA

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.