Sacramento Kings despedem George Karl

Após falharem 'play-offs'

Os Sacramento Kings despediram esta quinta-feira o treinador George Karl, um dia depois de falharem o apuramento para os 'play-offs' da Liga norte-americana de basquetebol (NBA) com um registo de 33-49.

"Depois de avaliar o desempenho da equipa esta época, entendi que era necessário avançar com uma nova voz no comando técnico", justificou o presidente de operações, Vlade Divac.

O antigo basquetebolista salientou o "grande respeito e admiração por tudo o que George (Karl) alcançou em quase 30 anos de carreira", crédito que se revelou insuficiente, já que os Sacramento Kings detiveram a pior defesa da fase regular, sofrendo uma média de 109,1 pontos por jogo.

Karl quase perdeu o emprego em novembro após divergências com a estrela da equipa, DeMarcus Cousins: a porta de saída já estava anunciada no último desafio, na derrota 116-81 com os Houston Rockets.

A cadeia de televisão ESPN refere que o treinador de 64 anos vai receber os cerca de 5,75 milhões de euros estabelecidos nos quatros anos de contrato.

George Karl foi contratado em 2015 durante a pausa 'All-Star' para substituir o interino Tyrone Corbin, mas foi incapaz de colocar os Kings nos 'play-offs', algo que a equipa conseguia há 10 épocas consecutivas.

Os Washington Wizards também despediram o treinador Randy Wittman, igualmente por falharem o apuramento para os 'play-offs', com 41 triunfos em 82 jogos.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de NBA

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.