Nelson Oliveira não sabe se vai disputar "clássicas" belgas por causa dos atentados

Devia ter viajado hoje para Bruxelas

• Foto: Filipe Farinha

Nelson Oliveira (Movistar) viu comprometida a sua participação nas "clássicas" belgas, na sequência das explosões verificadas em Bruxelas, para onde tinha previsto viajar esta terça-feira. 

O bicampeão nacional de contrarrelógio foi apanhado pela notícia dos atentados em Bruxelas, para onde tinha voo marcado, no aeroporto Francisco Sá Carneiro (Porto), tendo regressado a casa por indicação da Movistar, por falta de uma alternativa para chegar à capital belga.

"Esperaremos por sexta-feira para saber se podemos correr", indicou à agência Lusa.

Nelson Oliveira está pré-inscrito nas três "clássicas" belgas que se disputam a partir de sexta-feira: E3 Harelbeke (25 de março), Gent-Wevelgem (27 de março) e Volta a Flandres (3 de abril).

O corredor português foi um dos ciclistas da Movistar que não conseguiram chegar à Bélgica. Alguns dos seus colegas publicaram hoje um vídeo no Facebook da equipa espanhola, dando conta que já estavam no hotel aquando das explosões.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Ciclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas