Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias. Seguir

Arranque da Vuelta de 2024 em Portugal vai custar 2 milhões de euros aos cofres nacionais

Custos serão suportados pelas autarquias e pelo Turismo de Portugal

• Foto: DR
Os três primeiros dias da Volta a Espanha de 2024 vão custar dois milhões de euros aos cofres nacionais, divulgou esta manhã a organização da parte portuguesa numa cerimónia de apresentação do percurso em terras nacionais.

Metade do orçamento será suportado pelas autarquias de Lisboa, Oeiras e Cascais, o restante pelo Turismo de Portugal e restantes autarquias por onde passará o pelotão. A despesa vai diluir-se no retorno económico, garante a organização portuguesa, referindo as 3 mil pessoas da caravana, mais os turistas.

Recorde-se que a Vuelta de 2024 - que será transmitida em 190 países - começa em Lisboa com um contrarrelógio individual de 11 km entre os Jerónimos e a Praia da Torre, em Oeiras, a 17 agosto.

No dia 18 a prova segue entre Cascais e Ourém e dia 19 entre Lousã e Castelo Branco, com passagem pela Serra Estrela.

É a segunda vez que a Volta a Espanha começa em Portugal. Em 1997 a corrida também arrancou em Lisboa.
Por Ana Paula Marques
1
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Ciclismo

Regresso ao trono

Três Voltas ao Algarve, três vitórias para Remco Evenepoel, a igualar o feito de Belmiro Silva

Notícias

Notícias Mais Vistas