Mundiais: Maria Martins desiste em prova de fundo dominada pela Holanda

Estratégia agressiva das holandesas provocou mossa no pelotão

• Foto: Federação Portuguesa de Ciclismo

A seleção holandesa de ciclismo, com duas corredoras nos dois primeiros lugares, dominou este sábado a prova de fundo feminina do Campeonato do Mundo de estrada, na qual a portuguesa Maria Martins desistiu.

A prova de 149,4 quilómetros, entre Bradford e Harrogate, ficou marcada pelas duas subidas antes da entrada no circuito urbano, tendo a equipa holandesa usado uma estratégia agressiva, que provocou grande mossa no pelotão, obrigando 63 atletas a abandonar, entre as quais Maria Martins.

Annemiek van Vleuten, que se isolou e pedalou em solitário mais de 100 quilómetros, conquistou assim a medalha de ouro, sucedendo à compatriota Anna van der Breggen, que teve de se contentar com a medalha de prata, enquanto a terceira foi a australiana Amanda Spratt.

O Mundial de estrada termina no domingo com a prova de fundo para a elite masculina, cujos 280 quilómetros vão ligar Leeds a Harrogate, na qual participará a seleção portuguesa.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ciclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.