Peter Sagan vence Paris-Roubaix

Eslovaco triunfou numa edição bastante acidentada

O eslovaco Peter Sagan, da Bora–Hansgrohe, venceu este domingo a 116.ª edição do mítico Paris-Roubaix, ao bater no sprint final o suíço Silvan Dillier, da AG2R la Mondiale.

Campeão do Mundo em título, o eslovaco encetou o seu ataque final a 54 quilómetros da meta, levando na sua roda o helvético, que o acompanhou até à decisão no velódromo, onde Sagan acabou por levar a melhor, para conquistar o segundo Monumento da sua carreira, depois da Volta a Flandres de 2016.

Com esta vitória, Sagan torna-se no primeiro campeão do mundo de estrada desde o francês Bernard Hinault, em 1981, a triunfar no 'Inferno do Norte', como é conhecida a clássica, caracterizada pelas muitaa secções de empedrado ('pavé').

Em relação aos portugueses, Nelson Oliveira (Movistar) desisitiu, ao passo que Nuno Bico, também da Movistar, acabou em 91º, a 17.41 minutos de Peter Sagan.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ciclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.