Roglic abandona Dauphiné na liderança após queda

Vencedor da Vuelta de 2019, caiu no sábado, após 89 quilómetros da quarta etapa

• Foto: Instagram Team Jumbo-Visma cycling

O esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma) abandonou este domingo o Critério do Dauphiné, que liderava, falhando a partida para a quinta e última etapa, na sequência da queda sofrida no sábado.

"Como resultado da queda de ontem [no sábado], Primoz Roglic, líder da classificação geral e por pontos, não vai partir para a última etapa. A evolução das suas lesões vai determinar os planos para as próximas corridas. Cruzamos os dedos por uma rápida recuperação", lê-se no comunicado da Jumbo-Visma.

Roglic, vencedor da Vuelta de 2019, caiu no sábado, após 89 quilómetros da quarta etapa, que terminou, mas com feridas no braço esquerdo e nas costas.

O francês Thibaut Pinot, que estava a 14 segundos do esloveno, herdou a liderança da corrida, detendo 10 segundos de vantagem sobre o compatriota Guillaume Martin (Cofidis) e 12 sobre o espanhol Mikel Landa (Bahrain-McLaren).

A prova termina este domingo, com uma etapa com partida e chegada Megève, com quatro subidas de segunda categoria, uma de primeira categoria e uma outra de categoria especial, ao longo de 153,5 quilómetros.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Ciclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.