Vini Zabù retira-se da Volta a Itália e é substituída pela Androni

Casos de dopagem na equipa afastaram a formação

• Foto: Instagram Vini Zabù

A Vini Zabù anunciou esta quinta-feira que se retirou da Volta a Itália, que arranca a 8 de maio, devido a dois casos de doping nos últimos meses, sendo substituída pela Androni Giocattoli Sidermec.

Os casos de dopagem na equipa, o último dos quais um positivo por EPO de Matteo de Bonis, afastaram a formação, uma das três convidadas pela organização de fora do escalão WorldTour.

De Bonis testou positivo fora de competição, em fevereiro, meses depois de Matteo Spreafico ter tido dois controlos positivos em outubro de 2020, aí durante o Giro, com a equipa a enfrentar uma suspensão por parte da União Ciclista Internacional (UCI), tendo parado a atividade por iniciativa própria.

Ainda assim, a equipa explica que "uma investigação interna comprova a total ausência de práticas abusivas quer dos ciclistas quer da formação".

O convite foi então endereçado a outra formação italiana, a equipa de Gianni Savio, que tem animado as fugas das últimas edições da 'corsa rosa' e ia ficar de fora, sendo 'repescada' agora.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Giro

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.