Record

Primoz Roglic do esqui à glória

Esloveno, vencedor da 19.ª etapa e em lugar de pódio, foi saltador profissional até 2011

• Foto: EPA

Primoz Roglic, esloveno que em 2017 brilhou ao conquistar a Volta ao Algarve, viveu ontem mais um momento de glória naquela que é a sua segunda carreira desportiva, ao ganhar a última etapa de montanha do Tour e saltar para o 3º posto da classificação geral, na frente... de Chris Froome, que agora é 4º.

"Isto é uma loucura. Um momento de felicidade absoluta. Tentei muitas vezes, esperei pela minha oportunidade e finalmente consegui. Tudo saiu de forma perfeita", assumiu o esloveno, que deseja agora lutar pelo pódio no contrarrelógio. "É um novo dia e será igual para todos. Partimos todos do zero", lembrou.

Tudo começou... na neve

Atualmente com 28 anos, Roglic tem um dos percursos mais curiosos da história recente do ciclismo, já que iniciou a sua carreira com apenas 22 anos, depois de se ter retirado... dos saltos de esqui, uma modalidade incomparavelmente mais popular do que o ciclismo no seu país!

O esloveno foi um dos mais promissores saltadores da sua geração, chegou a ser campeão mundial de juniores, em 2007, mas depois nunca conseguiu dar o verdadeiro salto de qualidade para o profissionalismo, pelo que preferiu optar... pelo ciclismo.

"Nunca consegui chegar ao patamar de qualidade com o qual sonhei e acabei por desistir. Acho que, contas feitas, foi a melhor decisão que tomei na vida", admite Roglic sobre os seus tempos de saltador de esqui.

Em 2007, Roglic sofreu uma queda muito feia no mítico trampolim de Planica, na Eslovénia. Recuperou, mas nunca mais foi o mesmo e anos depois acabou mesmo por se dedicar às duas rodas. E ainda bem...

Por José Morgado
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Tour

Notícias

Notícias Mais Vistas

M