Ex-lutador confessa na internet que fez um homem "desaparecer" quando tinha 13 anos

Marty Jannetty relatou o sucedido no Facebook e a polícia já está a investigar o caso

O norte-americano Marty Jannetty, antigo campeão do Mundo de westling, contou numa publicação no Facebook que fez "desaparecer" um homem quando tinha apenas 13 anos. 

"Nunca contei nada sobre isto, nem sequer ao meu irmão Geno, já que ele o teria matado e eu não queria perder o meu irmão. Raios, ele tinha voltado do Vietname há pouco tempo... Eu tinha 13 anos, estava no salão de bowling Victory Lanes a comprar erva a um filho da mãe que trabalhava lá e ele pôs as mãos em cima de mim. Arrastou-me até ao fundo do edifício, já sabem o que ele estava a tentar fazer", escreveu Marty Jannetty, de 60 anos.

"Foi a primeira vez que fiz um homem desaparecer. Nunca o encontraram. Deviam ter procurado no rio Chattahoochie. Isto foi há mil milhões de anos. Tenho a satisfação de saber que esse maldito nunca mais fez isso a outros meninos", acresentou.

O ex-lutador acabou por apagar a publicação mas, segundo o site TMZ, a polícia de Columbus, no estado da Georgia, já iniciou uma investigação.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Desportos de combate

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.