McGregor acusado de agressão e exibição sexual: «Não posso continuar assim, estou devastado»

Irlandês terá mostrado partes íntimas a uma mulher

• Foto: Instagram

Depois de ter sido detido no fim-de-semana, na sequência de uma denúncia de agressão e exibição sexual, Connor McGregor mostra-se arrasado com o que aconteceu.

O ex-lutador de artes marciais mistas foi acusado por uma mulher casada, depois de supostamente lhe ter mostrado as partes íntimas quando se encontrava num iate na ilha da Córsega, em França.

O irlandês foi libertado no dia seguinte, mas o caso continua em aberto na justiça, pelo que o ex-campeão de UFC pode ser chamado a pronunciar-se sobre o assunto, a qualquer momento.

McGregor deu conta do seu estado de espírito através de uma mensagem no Twitter, que depois apagou. "Não posso continuar assim, estou devastado."

As mensagens que se seguiram tiraram-no do sério e McGregor acabou mesmo por responder a um seguidor. "Trabalhas na prevenção do suicídio e mesmo assim ridicularizas-me neste horrível momento da minha vida. Estou a tentar manter-me forte pelos meus filhos, pelas pessoas que me amam e me apoiam. Obrigado pelos insultos, hipócrita."

As mensagens de McGregor

Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Desportos de combate

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.