Obama não vai ao funeral de Muhammad Ali por coincidir com graduação da filha

Anunciou a Casa Branca

• Foto: Reuters

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, não vai ao funeral da lenda do boxe Muhammad Ali, marcado para sexta-feira, por coincidir com a cerimónia de graduação da sua filha Malia, anunciou a Casa Branca.

No seu lugar irá a conselheira presidencial Valerie Jarret, que irá ler uma carta do Presidente norte-americano e da sua mulher, Michelle.

Muhammad Ali morreu na passada sexta-feira, aos 74 anos.

O funeral vai realizar-se em Louisville, a cidade onde Muhammad Ali nasceu, no Estado de Kentucky, estando confirmada a presença de figuras como o antigo presidente norte-americano Bill Clinton ou o ator Will Smith, que no cinema vestiu a pele de Ali, três vezes campeão mundial de pesos pesados e ativista pelos direitos humanos.

De acordo com o porta-voz da família, Bob Gunnell, "vários chefes de Estado" vão marcar presença no funeral de Ali, considerado o maior pugilista da história.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Desportos de combate

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.