Sumo: Lutadores com barba, tatuagens ou brincos podem banidos

Federação japonesa impõe regras rígidas

A Federação de Sumo do Japão (JSA) decidiu esta semana impor medidas rígidas aos lutadores, proibindo-os de se apresentarem a combate com barbas consideradas indecentes, tatuagens visíveis ou brincos. A decisão, segundo o organismo, prende-se com o facto de a modalidade ser visto como "sagrada" e, por isso, ser "importante para os espectadores não verem nada desagradável".

A decisão, refira-se, não foi acolhida de forma muito positiva por alguns lutadores, pois entendem que a barba lhes traz sorte. Indiferente à superstição dos lutadores, a JSA deixou claro que tanto dirigentes como árbitros estarão vigilantes, podendo impor sanções caso esta nova regra não seja cumprida.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Desportos de combate

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0