Escândalo no beisebol: Astros apanhados a fazer batota ficam com castigos históricos

Esquema detetava sinais dos 'catchers' para avisar os batedores nos Houston Astros

• Foto: Getty Images

Escândalo na MLB! O beisebol norte-americano sofreu um golpe duríssimo, com os Houston Astros a serem condenados por terem sido apanhados a fazer batota em 2017, ano em que conquistaram o título. Em causa está o facto de terem espiado os sinais feitos pelos 'catchers' aos 'pitchers' (quem lança a bola), informando depois os batedores do tipo de lançamento que viria para lhes dar vantagem.

O método passava por terem uma câmara a filmar no centro do campo, focada no 'catcher', o jogador que recebe o lançamento. Essas imagens seguiam para um dispositivo que estava nas mãos de uma pessoa num túnel perto do banco a descodificar os sinais. Quando percebia que vinha aí um lançamento com efeito e menos velocidade... batia numa lata do lixo para fazer barulho audível para o batedor. Algo naturalmente ilegal, sendo que 'roubo de sinais' é algo que a Liga tenta combater de forma insistente.

A investigação foi lançada depois de um antigo jogador da equipa ter prestado declarações ao site 'The Athletic', que divulgou a históra, e agora a sentença é conhecida, com os castigos mais pesados da história do desporto. Jeff Luhnow e AJ Hinch, respetivamente diretor desportivo e treinador dos Astros, foram suspensos por um ano sem poderem receber qualquer salário e entretanto foram despedidos. Além disso, Houston ficou sem as escolhas de primeira e segunda ronda dos drafts de 2020 e 2021, enquanto terá de pagar uma multa de 5 milhões de dólares, o valor mais alto possível.

Refira-se que em causa está a equipa que tem dominado a MLB nos últimos anos. Não só conquistou esse título em 2017 como somou 336 encontros, o máximo no espaço de três épocas na história do beisebol norte-americano. Por outro lado, a sequência de três temporadas com mais de 100 triunfos iguala um record também. Agora, todos esses números ficam manchados pela condenação neste caso.

Por Pedro Gonçalo Pinto
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Modalidades

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.