Federação de Desportos de Inverno quer campeonatos nacionais fora do país

Condições climatéricas levam a sucessivos adiamentos das provas

Pedro Farromba
• Foto: DR Record

O presidente da Federação de Desportos de Inverno de Portugal (FDIP) quer que a tutela altere a legislação para que, em anos em que não seja possível realizar os campeonatos nacionais no país, possam ter lugar no estrangeiro.

Em declarações à agência Lusa, Pedro Farromba dá o exemplo desta época, em que o Campeonato Nacional de Esqui Alpino, marcado para sábado e domingo, dias 28 e 29, na Estância da Serra da Estrela, foi adiado seis vezes, devido às condições meteorológicas adversas ou aos acessos às pistas.

"Esta é mais uma das situações que provam que tem de haver uma alteração legislativa que permita que federações com situações que dependem em absoluto das condições atmosféricas possam ver excecionalizada na lei a realização, no estrangeiro, dos campeonatos nacionais", defende o presidente da FDIP.

Pedro Farromba acentua que o que preconiza não é que as provas passem a ser feitas fora do país, apenas num quadro de exceção.

"O que peço é que, excecionalmente, em anos como este, possam ser realizados no estrangeiro, à imagem do que acontece com muitos outros países, como a Irlanda ou Inglaterra, que fazem os campeonatos fora dos seus países, porque não têm condições naturais para o fazer", argumenta o dirigente federativo.

O presidente da FDIP sublinha que o assunto tem sido abordado com todos os secretários de Estado da Juventude e do Desporto desde 2009, ano em que passou a ocupar o cargo, e espera que o apelo tenha acolhimento quanto antes.

Durante a época desportiva tem havido muita neve na Serra da Estrela, mas durante os fins de semana em que a competição esteve agendada, "coincidiu" chover ou as estradas estarem cortadas.

Pedro Farromba acredita que desta vez será possível cumprir o calendário.

"As condições da pista, tendo em conta o calor dos últimos dias, não são as ideais. As previsões indicam que a temperatura vai descer bastante esta noite e vai-nos permitir que as condições da neve estejam bem melhores do que estiveram toda a semana. Temos a expectativa de que vai correr bem e que vamos conseguir realizar as provas", realça o dirigente.

A prova de slalom está marcada para sábado e a de slalom gigante para domingo.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Modalidades

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.