Portugal sem apurados nos Mundiais paralímpicos

Domingos Magalhães e Mário Trindade falharam qualificações no Dubai

• Foto: Lusa/EPA

Portugal teve esta sexta-feira dois atletas a competir na segunda jornada dos campeonatos Mundiais paralímpicos de atletismo, a decorrer no Dubai, mas nenhum deles conseguiu o acesso às respetivas finais e meias-finais.

Nos Emirados Árabes Unidos, o primeiro luso a competir foi Domingos Magalhães (F20, deficiência intelectual), que foi quinto classificado no seu grupo de apuramento no lançamento do peso, tendo conseguido um recorde pessoal de 10,98 metros.

Também com recorde pessoal, e sem apuramento, Mário Trindade (T52) terminou em sétimo lugar a sua eliminatória dos 400 metros em cadeira de rodas, com o tempo de 69,84 segundos.

No sábado, terceiro dia de competição, Luís Gonçalves (T12, deficiência visual) terá a meia-final dos 400 metros e, em caso de apuramento, corre na final ao final da tarde.

Maria da Graça Fernandes (T38, paralisia cerebral) terá a final do salto em comprimento e, logo de seguida, será a vez de Sandro Baessa (T20) e Carlos Freitas (T20) competirem nas eliminatórias de 400 metros.


Por Lusa
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Modalidades

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.