Taekwondo: Vende flores no cemitério para ir a Zagreb e a Paris competir

Eduardo Andrade tem o sonho de ir aos Jogos Olímpicos

É o sonho de uma vida e Eduardo Andrade está disposto a fazer o que for necessário para o realizar. O atleta brasileiro, praticante de taekwondo, esteve na última quinta-feira, dia 1 de novembro, à porta do cemitério de Londrina, no Paraná, a vender flores. Tudo com vista a angariar dinheiro para competir em duas competições europeias.

Eduardo, de 19 anos, vai viajar na próxima terça-feira para a Europa integrado numa comitiva de 7 atletas da 'Equipa Madureira', com vista a participar no Open de França. 

As viagens para Paris e o alojamento estão garantidos, com a ajuda da 'Fundação de Esportes de Londrina', mas Eduardo quer participar também no Open de Zagreb, na Croácia, e é aí que entra o negócio das flores no dia dos finados.

"Falta-me uma grande parte do dinheiro, mas tenho grande fé que tudo vai dar certo. Temos alguns incentivadores, alunos e pais de alunos, pequenos patrocinadores. Tudo em busca destes dois campeonatos, que são muito importantes para um atleta que quer disputar os Jogos Olímpicos. Serão as competições mais importantes da minha vida até agora", contou o atleta, em entrevista ao GloboEsporte.

Eduardo precisa de cerca de 2300 euros e vender flores não foi a sua única aposta para angariar fundos. O atleta já sorteou um cabaz com produtos de beleza, vendeu salgados e deu aulas de taekwondo.

Estas serão as primeiras provas internacionais de Eduardo, que conta estar nos Jogos Olímpicos de 2014, em Paris.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Modalidades

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.