Record

Escândalo de abuso sexual atinge ginástica brasileira

Antigo técnico da seleção canarinha, Fernando de Carvalho Lopes, acusado por atletas e ex-atletas

Petrix Barbosa foi uma das vítimas
• Foto: Facebook Petrix Barbosa
Fernando de Carvalho Lopes, antigo técnico da seleção brasileira masculina de ginástica, foi acusado por atletas e ex-atletas de ter praticado crimes de abuso sexual durante vários anos. 

A denúncia no programa 'Fantástico' da Rede Globo, refere que em quatro meses de investigação, 42 ginastas revelaram ter sofrido abusos cometidos pelo ex-técnico da seleção brasileira, entre eles, Petrix Barbosa, medalha de ouro dos Jogos Pan-Americanos de 2011.

Petrix Barbosa relata que os abusos começaram quando tinha 10 anos: "Eu sabia de boatos, de meninos de orfanatos, que eram amigos, que tinham o mesmo problema. Mas como fazer alguma coisa? Não sei. Não sabia o que fazer durante toda a minha carreira. Eu pensava: 'Agora não posso porque tenho esse momento. Deixa para lá, agora já não é problema meu'. Mas, hoje em dia, que eu sei de muito mais coisas que aconteceram, coisas muito mais absurdas, pior do que comigo, talvez se eu tivesse ficado mais tempo teria acontecido comigo, sem dúvidas. Até onde eu permitisse ou até onde eu não cometesse uma loucura como outros atletas chegaram a fazer", contou o ginasta medalhado. 

Recorde-se no ano passado, nos Estados Unidos, centenas de ginastas, entre as quais a campeãs olímpicas, McKayla Maroney, Aly Raisman e Simone Biles, acusaram o ex-médico da Federação de Ginástica dos Estados Unidos (USA Gymnastics) Larry Nassar de abuso sexual, tendo este sido condenado a até 175 anos de prisão.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ginástica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M