Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias. Seguir

Campeões Nacionais de Jovens consagrados em Palmela

A Grande Final do Drive Tour realizou-se no Montado e o Club de Golf de Miramar, de Vila Nova de Gaia, arrecadou metade dos oito títulos

A Grande Final Nacional do Drive Tour reuniu no Montado Hotel & Golf Resort, em Palmela, as quatro melhores jovens femininas e os dez melhores jovens masculinos do Ranking do Circuito Drive Tour, para decidir os títulos de campeões nacionais de 2023 nos escalões etários de Sub-12, Sub-14, Sub-16 e Sub-18.

Para a classificação final do ranking do mais importante circuito juvenil da Federação Portuguesa de Golofe (FPG) e para atribuição dos títulos de campeões foram contabilizados os três melhores resultados (convertidos em pontos) das provas de apuramento, a que se juntaram os pontos obtidos nesta Grande Final Nacional.

Nos Sub-12 femininos, sagrou-se campeã nacional Maria Francisca Santos (Miramar), que terminou o circuito com 1500 pontos, mais 52 do que Camila Pazos, também de Miramar. Para a atribuição do título foi determinante o fato de Maria Francisca Santos ter ganho a Final Nacional, com 169 pancadas (+25), enquanto Camila Pazos se quedou pela quarta posição, com 181 pancadas. Laura Santos, do Porto Santo Clube, ganhou a classificação ‘Medal Net’ da Final.

Na competição masculina deste escalão o título foi para Santiago Dias (Miramar), com 1575 pontos, que juntou a vitória na Final Nacional, com 152 pancadas (+8), aos títulos anteriormente obtidos no Oporto Golf Club (Espinho), Santo Estêvão (Benavente) e Estela (Póvoa de Varzim). O vice-campeão nacional, Rodrigo Sousa Correia (Vilamoura) foi também o segundo classificado ‘Gross’ na Final, com 153 pancadas. João Balixa (Miramar) recebeu o prémio ‘Net’.

No escalão de Sub-14, Amélia Gabin (Quinta do Lago) renovou o título de campeã nacional com 1575 pontos e venceu igualmente a Final Nacional, com um agregado de 147 pancadas (+3), depois de ter feito uma última volta espetacular, de 67 pancadas (-5). A vice-campeã é Maria Francisca Salgado (Vale de Janelas), que repetiu a posição de 2022 e foi também a segunda melhor na Final Nacional, onde arrecadou o prémio de ‘Medal Net’.

Nos Sub-14 masculinos, o novo campeão nacional é Guilherme Grabner Moreira (Oporto), com 1448 pontos. Superiorizou-se a Francisco Reis (Orizonte) – que tinha sido Campeão Nacional de Sub-12 no ano passado – por apenas 38 pontos, dado que o lisboeta venceu a Final Nacional com 150 (+6) e o nortenho terminou no terceiro posto. Marcelo Gaspar (Santo da Serra) recebeu o troféu ‘Net’.

Inês Belchior (Tavira), campeã nacional absoluta no ano passado, renovou o título no escalão Sub-16 com 1463 pontos, embora com uma escassa vantagem de 38 pontos sobre Rafaela Pinto (Quinta do Perú), que venceu a Final Nacional com 163 (+19), batendo a sua rival por 3 pancadas. Aline Marques (Cantanhede) foi a melhor em ‘Medal Net’.

Nos Sub-16 masculinos, Afonso Rui Oliveira (CGD) ganhou a Final Nacional com 149 (+5) e dessa forma totalizou 1375 pontos para sagrar-se campeão nacional, ultrapassando por 62 pontos Diogo Pinto Rocha (Miramar), que ficou-se pelo sétimo lugar (+10) neste último torneio. Tomás Afonso Araújo, igualmente de Miramar, ganhou a classificação ‘Medal Net’.

Nos Sub-18 femininos, o título foi também disputado de forma muito renhida, sorrindo a Ana da Costa Rodrigues (Miramar), que sagrou-se bicampeã nacional com 1463 pontos, uma vantagem de apenas 38 pontos em relação a Francisca Rocha (Oporto). A vencedora da Final Nacional foi Francisca Rocha com 148 (+4), menos 2 pancadas do que Ana da Costa Rodrigues, que recebeu o prémio da classificação ‘Net’.

Nos Sub-18 masculinos o título de campeão nacional foi entregue a Miguel Silveira (Miramar) com 1358 pontos, com António Teixeira e Costa (Aroeira) a ser o vice-campeão. O vencedor da Final Nacional foi o atleta da Aroeira Pedro Santos Pereira com 148 (+4), com Teixeira e Costa em segundo (+8) e Silveira em terceiro (+9). O troféu ‘Net’ foi para Konstantin Mikirtumov (Estoril).

Dos oito títulos em disputa, metade foi para o Club de Golf de Miramar, situado em Vila Nova de Gaia. Com um título de campeão nacional saíram do Montado o Oporto Golf Club, Clube de Golfe Caixa, Golfe Clube de Tavira e Clube de Golfe da Quinta do Lago.
Por Record/FPG
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Golfe

Notícias