Europeu Amador de Equipas Masculinas: Portugal termina primeira fase em 2.º

Seleção Nacional ficou no "1.º flight" e defronta a Holanda nas meias-finais

Portugal terminou esta quinta-feira no 2.º lugar a primeira fase da Segunda Divisão do Campeonato da Europa Amador de Equipas Masculinas, na Hungria, e sexta-feira defronta a Holanda nas meias-finais do torneio que a Associação Europeia de Golfe (EGA) está a organizar até Sábado, em colaboração com a Federação Húngara de Golfe, no Zala Springs Golf Resort, em Zalacsány.

A seleção nacional masculina liderava esta quarta-feira a competição, mas esta quinta-feira foi ultrapassada pela sua congénere da Finlândia, embora os dois países tenham efetuado o mesmo resultado de 719 pancadas, 1 abaixo do Par. Foram as únicas nações a baterem o Par do campo aos 36 buracos, entre os 9 países participantes.

Portugal juntou jornadas de 358 e 361 pancadas, enquanto a Finlândia agregou rondas de 362 e 357 e só assegurou a 1.ª posição por ter conseguido o melhor resultado desta quinta-feira.

Para a equipa liderada pelo selecionador nacional Nelson Ribeiro, o mais importante era ficar entre os dois primeiros lugares para assegurar um posto de cabeça de série nas meias-finais de amanhã e enfrentar uma equipa teoricamente menos forte do que a Finlândia, neste caso, a Holanda, que assegurou o 3º posto a uma enorme distância de 28 pancadas de Portugal. A Finlândia disputará a outra meia-final diante da Sérvia, a 4ª classificada a 29 pancadas de Portugal.

A nível individual Portugal colocou 4 jogadores no top-10, um muito bom resultado, com um grande destaque para o 2.º lugar de Pedro Lencart, entre 54 jogadores.

O campeão nacional de sub-18 somou 141 pancadas, 3 abaixo do Par, após voltas de 71 e 70, terminando empatado com o finlandês Sami Valimaki (71+70), o vencedor em fevereiro do Campeonato Internacional Amador de Portugal Masculino.

Só foram ultrapassados pelo eslovaco Michael Brezovsky com 137 (68+69), -7.

Os restantes jogadores portugueses obtiveram as seguintes boas classificações e resultados:

5.º (empatado com o 4.º) Vítor Lopes, 142 (70+72), -2
8.º (empatado com o 7.º) João Girão, 145 (70+75), +1
9.º (empatado com o 10.º e 11.º) Tomas Perkins, 146 (76+70), +2
13.º (empatado com o 12.º) Vasco Alves, 147 (73+74), +3
33.º (empatado) Tomás Melo Gouveia, 156 (74+82), +12

Portugal vai tentar pela terceira vez terminar esta Segunda Divisão no top-3, para ascender ao escalão principal, onde esteve em 2016, em França, mas acabou por ser despromovido.

Em 2015, no Postolowo Golf Club, na Polónia, Portugal obteve um dos maiores triunfos na história do golfe amador português, ao sagrar-se campeão europeu da Segunda Divisão. Em 2012, no Keilir Golf Club, na Islândia, a seleção nacional foi 3ª classificada e também subiu de divisão.

Por Hugo Ribeiro/FPG
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Golfe

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.