Ricardo Melo Gouveia: «Bati muito bem a bola»

Português entra no top-20 e joga com Stenson

• Foto: António Varela
Ricardo Melo Gouveia entrou esta sexta-feira no top-20 do DP World Tour Championship, no Dubai, para 17.º empatado, com 141 pancadas (três abaixo do Par).

O português colocou-se no epicentro da luta pelo n.º1 da Corrida para o Dubai, ao jogar a terceira volta ao lado do líder deste ranking do European Tour, o sueco Henrik Stenson, o titular do British Open.

Melo Gouveia e Stenson são dois dos seis jogadores que integram esse grupo dos 17.ºs classificados, com 3 abaixo do Par. Os outros são o inglês Danny Willett ( campeão do Masters), o irlandês Shane Lowry (antigo vencedor do Portugal Masters), o dinamarquês Thorbjørn Olesen (que ganhou há duas semanas no Turkish Airlines Open) e o inglês Tommy Fleetwood (com quatro top-10 este ano). Só craques e Willett também pode terminar o torneio como n.º1 europeu.

Esta sexta-feira o português residente em Londres melhorou 16 posições na classificação geral, graças a uma segunda volta em 69 pancadas, 3 abaixo do Par, na qual sofreu 1 único bogey, face a 4 birdies. Cortou nos bogeys e aumentou os birdies em relação a ontem.

"Foi um dia bastante sólido no Dubai. Bati muito bem na bola, mas foi pena alguns putts não terem entrado", escreveu o profissional do ACP Golfe na sua conta oficial no Facebook.

António Varela, sócio do Jumeirah Golf Estates a desempenhar funções de scorer no torneio, confirmou a avaliação do jogador: "Já bateu muito mais perto do pau (bandeiras), daí os três birdies, e falhou outros três por uma unha negra".

O pai do jogador, Tomás, e o seu caddie, Nick Mumford, consideraram que a volta desta sexta-feira foi sobretudo "consistente". 
Por Hugo Ribeiro/FPG
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Golfe

Notícias