Record

Portugal derrotado na final do Europeu

Seleção Nacional não resiste à tremenda eficácia espanhola

20h02 - TERMINA A PARTIDA! Portugal não resistiu à eficácia espanhola e perde a final do Europeu. A formação lusa marcou primeiro, por Gonçalo Alves, mas, quando apontou o segundo, de livre direto, por João Rodrigues, aos 38, já o conjunto da casa liderava por 5-1, depois de chegar ao intervalo a ganhar por 3-1. O benfiquista que vai rumar ao Barcelona ainda bisou, aos 49 minutos, sagrando-se melhor marcador da prova, com 24 golos. O benfiquista Jordi Adroher, aos seis minutos, o leão Ferran Font, aos oito e 42, Edu Lamas, aos 22, Ignacio Alabart, com 32, Pau Bargalló, aos 35, marcaram os golos da Espanha, que somou o 17.º título da sua história. A seleção lusa continua a comandar o ranking da prova, com 21 títulos, mas não vence fora de Portugal desde o triunfo na edição de 1996, na cidade italiana de Salsomaggiore.

49' - GOLOO DE PORTUGAL (3-6), por João Rodrigues!

48' - Girão defende um livre direto da Espanha.

Espanha vai gerindo tranquilamente estes últimos minutos da final.


42' - GOLO DA ESPANHA (2-6), por Ferran Font!
Mais um tiro certeiro do hoquista que atua no Sporting.

40' - Desta vez João Rodrigues não consegue converter o livre direto a castigar a 10.ª falta espanhola, rematando ao poste...

38' - GOLOOO DE PORTUGAL (2-5), por João Rodrigues!
O melhor marcador da prova não vacile e encurta a desvantagem. Faltam 12 minutos...

38' - Cartão azul para Bargalló.

Longe do fulgor do primeiro tempo, Portugal sente muitas dificuldades para travar a Espanha.


35' - GOLO DA ESPANHA (1-5), por Pau Bargalló!
Passividade defensiva lusa permite espaço para o remate. Vida muito difícil para Portugal...

32' - GOLO DA ESPANHA (1-4), por Alabart!
Com alguma sorte, o jogador do Barcelona dilata a vantagem espanhola.

Empate no número de faltas: sete para cada seleção.


26' - Espanha entra melhor nesta segunda parte, com Portugal a ter dificuldades em criar perigo.

19h24 - INÍCIO DA 2.ª PARTE!

19h11 - INTERVALO (1-3).
Portugal chega ao descanso com uma derrota bem mais pesada do que mostrou durante a primeira parte. Gonçalo Alves colocou a Seleção na frente, só que o benfiquista Adroher e o sportinguista Font operaram a reviravolta no marcador. Perto do intervalo, Lamas dilatou a vantagem da Espanha, que tem apresentado uma tremenda eficácia.

Mantém-se a toada do jogo: Portugal a criar oportunidades e a Espanha a marcar.

21' - GOLO DA ESPANHA (1-3), por Eduardo Lamas! A seleção espanhola mantém a tremenda eficácia.

19' - Portugal volta a ficar perto de marcar... A seleção vai acumulando oportunidades para empatar. 

15' - Na marcação do livre direto, Hélder Nunes não acerta na baliza. Portugal em superioridade numérica durante dois minutos, ou até marcar.

14' - No seguimento da jogada anterior, o árbitro mostra cartão azul a Ferran Font. Livre direto para Portugal...

14' - Font e Magalhães desentendem-se numa altura em que Portugal partia com perigo para o contra-ataque. 

13' - Agora foi a vez de Rafa ficar perto do golo português. Mantém-se o domínio luso mas é a Espanha quem está na frente...

12' - Remate perigoso de João Rodrigues.

Portugal tem quatro faltas, mais uma que o adversário.


10' - Time out. Sénica dá instruções aos jogadores portugueses.

Portugal está a jogar bem, cria oportunidades, mas é a Espanha quem se mostra tremendamente eficaz. Grande jogo no Riazor, disputado a um ritmo elevadíssimo.


7' - GOLO DA ESPANHA (1-1), por Font!
Incrível a eficácia espanhola. Agora foi a vez do sportinguista faturar e colocar a seleção da casa na frente pela primeira vez.

6' - Na conversão do penálti, Gonçalo Alves não consegue bater o guardião espanhol.

6' - Gonçalo Alves derrubado na área e o árbitro assinala penálti para Portugal!

5' - GOLO DA ESPANHA (1-1), por Adroher!
Num dos primeiros lances de perigo, a seleção da casa chega ao empate, por intermédio do hoquista do Benfica.

Portugal entra de forma confiante na final e justifica plenamente estar na frente do marcador.


3' - GOLOOO DE PORTUGAL (1-0), por Gonçalo Alves!
 Grande iniciativa do atacante português, a confirmar o bom início de partida da Seleção Nacional.

Portugal joga com: Girão (gr), Diogo Rafael, Gonçalo Alves e Hélder Nunes. Espanha com: Sergi Fernández (gr), Alabart, Edu Lamas, Adroher e Pau Bargalló.


18h31 - INÍCIO DA PARTIDA! Saiu Portugal...

18h28 - Portugal vai jogar de branco. Espanha de vermelho.

18h25 - As equipas entram em campo! Tudo pronto para o início de partida no Riazor...

18h15 - No jogo de atribuição do terceiro lugar, a Itália bateu a França por 5-2.

18h10 - Portugal domina o palmarés do hóquei em patins europeu, muito fruto de conquistas nos anos 60 e 70, e apesar de ser o campeão em título, conquistado em 2016 em Oliveira de Azeméis, encontrará uma Espanha que foi heptacampeã desde 2000.

18h05 - No Europeu, que decorre desde 14 de julho, a seleção das quinas venceu no Grupo A Andorra (11-0), Suíça (7-1), Áustria (15-1) e França (5-4). Nos quartos de final bateu a Inglaterra (14-2) e nas 'meias' a Itália (4-2).

18h04 - "Vai ser uma final decidida no plano emocional e nos pequenos detalhes", disse o selecionador Luís Sénica.

18h03 - A Espanha será, porém, o adversário mais difícil, não só por jogar em casa, mas por ser atualmente o país com maior domínio na modalidade, não só ao nível de clubes, mas também de seleções. Os espanhóis bateram nas meias-finais a França, por claros 8-2.

18h02- Os portugueses, treinados por Luís Sénica, venceram todos os jogos que disputaram neste Europeu, o último dos quais no sábado, batendo a também favorita Itália por 4-2 nas meias-finais.

18h01 - Portugal vai tentar este domingo conquistar o seu 22.º título europeu, numa final frente à anfitriã Espanha. A partida está agendada para as 18h30 na Corunha e pode acompanhar todas as incidências no site do Record.
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Hóquei em Patins

Notícias

Notícias Mais Vistas

M