Erro técnico 'fantasma' no Sporting-FC Porto

Em causa o que sucedeu no último minuto do jogo

• Foto: Pedro Simões

No último jogo no Pavilhão João Rocha, entre Sporting e FC Porto a contar para os ‘oitavos’ da Taça – ganho pelos dragões nos penáltis –, existiu um erro técnico que passou despercebido até aos árbitros. Tudo porque o golo do empate dos leões (5-5) a 4 segundos do final do prolongamento, que levou a decisão para os penáltis, aconteceu numa altura em que os leões estavam a utilizar cinco jogadores de campo (sem guarda-redes), uma situação irregular segundo o Comité Internacional de Rink-Hockey.

De acordo com o regulamento, "é apenas nos últimos cinco minutos do segundo período do tempo normal que o guarda-redes de cada equipa pode ser substituído por um jogador de pista, não podendo esse beneficiar dos direitos especiais dos guarda-redes na defesa da sua baliza, nem tão-pouco utilizar caneleiras específicas por estes utilizadas". Ora, como FC Porto ganhou, não há razões para o protesto. Mas que houve irregularidade houve… 

Por Vítor Ventura
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Hóquei em Patins

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.