Guillem Pérez surpreso com despedimento do Sporting

Técnico espanhol só ontem foi informado pelo clube do seu afastamento

• Foto: Luís Manuel Neves

Pouco passava das 15 horas de ontem quando Guillem Pérez e o Sporting assinaram o acordo de rescisão do contrato, dando por finalizado o trabalho do treinador espanhol à frente da equipa principal do clube de Alvalade.

No entanto, a notícia que o Sporting iria ‘despedir’ o treinador não deixou de apanhar de surpresa Guillem Pérez que, segundo o nosso jornal apurou, soube primeiro da novidade através da comunicação social portuguesa, quando se encontrava em Barcelona – assistiu a jogos da Copa Reina –, uma vez que o Sporting só ontem voltou aos treinos, após não ter jogado no fim de semana.

Entretanto, os leões, através de um comunicado emitido ontem pelas 16 horas, anunciaram não só a rescisão com Guillem Pérez como a contratação de Paulo Freitas (ex-OC Barcelos) como novo treinador da equipa principal, o qual iniciou já ontem as suas funções, preparando a deslocação ao Dragão Caixa, sábado, em jogo dos 16 ‘avos’ da Taça de Portugal.

"O Sporting informa que, por mútuo acordo, terminou a ligação profissional que mantinha com o treinador Guillem Pérez. Mais informa que chegou a acordo com Paulo Freitas para assumir as funções de treinador da equipa principal sénior", conforme se pode ler no comunicado do Sporting.

Pérez ingressou no Sporting no início da época, mas sua passagem por Alvalade não foi feliz. Eliminados na fase de grupos da Liga Europeia e, em 4º lugar, a 7 pontos do líder, Oliveirense, no campeonato, os leões acabaram ainda por ser vítimas de erros técnicos do ex-coordenador geral, José Trindade, que custaram duas derrotas.

Paulo Freitas feliz no 1.º dia

Paulo Freitas teve ontem o seu primeiro contacto com a equipa e, no final, confessou sentir-se feliz. "Este foi o primeiro dia de trabalho, num clube com tradição no hóquei e recheado de jogadores de grande qualidade, o que me deixa bastante feliz", disse Paulo Freitas na Sporting TV. "Quando se chega a um clube como o Sporting o pensamento só pode ser ganhar. O objetivo é trabalhar forte e bem de modo a sermos unidos e coletivos. Não nos podemos esquecer que o talento individual vence jogos, mas o coletivo ganha campeonatos", referiu o técnico, de 48 anos.

Por Vítor Ventura
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Hóquei em Patins

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.