Liga Europeia: Oliveirense na final à espera do Benfica

Nova final portuguesa à vista na prova máxima do hóquei europeu

• Foto: Ricardo Jr

Um golo de Ricardo Barreiros colocou este sábado a Oliveirense na sua segunda final europeia consecutiva de hóquei em patins, com a equipa portuguesa a vencer o favorito FC Barcelona. Num encontro muito equilibrado, disputado no Pavilhão Barris Nord, em Lérida, foi preciso esperar até à segunda metade do prolongamento para um golo de ouro do internacional português resolver a questão para a formação de Oliveira de Azeméis.

O jogo foi muito fechado, com marcações cerradas e sem grandes ocasiões de golo, valendo, a espaços, os guarda-redes de cada uma das equipas, Xevi Puigbí na Oliveirense, Sergi Fernandez nos catalães. Ainda na primeira parte, o FC Barcelona desperdiçou uma grande penalidade, naquela que terá sido a melhor ocasião de todo o jogo no tempo regulamentar, com Xavi Barroso a não conseguir concretizar, num lance aos 18 minutos.

Na segunda parte, Selva podia ter marcado para a Oliveirense, aos 43, com o árbitro a entender ter existido uma falta, e aos 45 foi Panadero a colocar junto ao poste da baliza de Xevi Puigbí.

O prolongamento começou dentro da mesma toada de todo o jogo, sem oportunidades flagrantes, até que já na segunda metade, no primeiro dos últimos cinco minutos, Ricardo Barreiros fletiu da direita, procurou espaço e rematou para a final.

Será a segunda final da formação de Oliveira de Azeméis, que na última época perdeu a final com o Benfica (5-3 no Pavilhão da Luz), enquanto o campeoníssimo e recordista de títulos europeus FC Barcelona (21) falha a sua 26.ª final.

A equipa portuguesa, treinada pelo ex-hoquista Tó Neves, encontrará domingo na final o vencedor da meia-final entre Benfica e Reus, formação espanhola que afastou o FC Porto nos quartos de final.

Jogo disputado no Pavilhão Barris Nord, em Lérida, Espanha.

Oliveirense, Por -- FC Barcelona, Esp, 1-0 (golo de ouro).

Ao intervalo: 0-0.

No final do tempo regulamentar: 0-0.

Ao intervalo do prolongamento: 0-0.

Marcadores:
1-0, Ricardo Barreiros, 56 minutos (golo de ouro)

Sob a arbitragem da dupla italiana Alessandro Eccelsi e Filippo Fronte, as equipas alinharam:

- Oliveirense: Xevi Puigbí, João Souto, Pedro Moreira, Jordi Bargalló, Ricardo Barreiros. Jogaram ainda Pablo Cancela, Jepi Selva.

Treinador: Tó Neves.

- FC Barcelona: Sergi Fernandez, Marc Gual, Sergi Panadero, Matias Pascual e Pablo Alvarez. Jogaram ainda Xavi Barroso, Lucas Ordonez, Pau Bargalló, Eduard Lamas.

Treinador: Ricard Muñoz.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Hóquei em Patins

Leão é líder

Sporting sofreu e bem para bater em casa o HC Braga, mantendo-se invicto no campeonato

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.