Renato Garrido vai assumir já o comando técnico da Oliveirense. A equipa, que prescindiu dos serviços de Tó Neves, depois dos maus resultados averbados nas últimas semanas, já chegara a acordo o treinador da Juventude de Viana para as próximas duas épocas, mas conseguiu com que o técnico se desvinculasse já dos minhotos, assumido, assim, no imediato a liderança da equipa de Oliveira de Azeméis. Será apresentado esta segunda-feira, às 18 horas.

Garrido, que foi adjunto de Franklim Pais e Tó Neves no FC Porto, parte para a sua segunda experiência enquanto técnico principal e leva consigo Edo Bosch, antigo guarda-redes dos dragões que é agora seu adjunto. 



Autor: Humberto Ferreira