Trissino junta-se ao Valongo na final da Liga Europeia de hóquei em patins

Vitória frente aos também italianos do Sarzana, por 4-0

O Trissino vai disputar a final da Liga Europeia de hóquei em patins com o Valongo, depois de ter vencido este sábado os também italianos do Sarzana, por 4-0, na segunda meia-final da 'final four', disputada em Torres Novas

Num embate entre equipas italianas, comandadas pelos irmãos Alessandro e Mirco Bertolucci, levou a melhor o mais forte: com dois golos em cada metade, o Trissino resolveu a eliminatória com facilidade e garantiu um lugar na final, no domingo.

Favorito à partida, o Trissino quis confirmar os créditos, resolvendo rapidamente a eliminatória frente ao modesto Sarzana. Afinal, defrontavam-se em Torres Novas o primeiro e o 10.º do campeonato italiano e no dia seguinte havia a final da Liga Europeia para disputar.

Se assim pensou a equipa de Alessandro Bertolucci, melhor o fez: dois golos na primeira parte sublinharam a diferença de nível considerável entre as duas equipas, com o Trissino a jogar o suficiente para ganhar vantagem e depois gerir até ao fim.

O internacional angolano João Pinto assumiu o comando das operações da equipa e o Trissino esteve sempre por cima no jogo. Marcou primeiro, sem surpresa, aos 12 minutos, quando Emanuel Garcia aproveitou uma falha de marcação.

Depois, perante a empenhada mas inconsistente tentativa de reação por parte do adversário, elevou aos 17 minutos, pelo mesmo João Pinto, na recarga a uma grande penalidade.

Esforçado, o Sarzana levou para a segunda parte a vontade de contrariar a desvantagem, na esperança de aproveitar algum relaxamento do Trissino.

Dessa forma conseguiu algum ascendente no recomeço, mas o voluntarismo em excesso foi pago com mais dois golos sofridos, ambos de Giulio Cocco: primeiro na insistência após um livre e depois diretamente, num castigo do mesmo tipo.

Com 10 minutos para jogar e sem história, o jogo confirmou a vitória do Trissino, que encontra o Valongo no domingo, às 15:00, no Palácio dos Desportos de Torres Novas.

 

Jogo no Palácio dos Desportos de Torres Novas. 

Trissino - Sarzana, 4-0

Ao intervalo: 2-0.

 

Marcadores:

1-0, Emanuel Garcia, 12 minutos.

2-0, João Pinto, 17.

3-0, Giulio Cocco, 32.

4-0, Giulio Cocco, 41.

 

Sob a arbitragem de Miguel Diaz (Espanha), Jonatan Sánchez (Espanha) e Ivan González (Espanha), as equipas alinharam:

 Trissino: Stefano Zampoli, Andrea Malagoli, Giulio Cocco, Davide Gavioli e Francisco Ipinazar.

Jogaram ainda João Pinto, Roger Bars, Alessandro Faccin e Emanuel Garcia.

Treinador: Alessandro Bertolucci.

- Sarzana: Simone Corona, Pol Pedrol, Pablo Bailon, Joan Pedrol e Francesco Rossi.

Jogaram ainda Francesco Rinalds, Davide Borsi, Matteo Cardella e Ernest Cinquini.

Treinador: Mirco Bertolucci.

 

Assistência: cerca de 100 espectadores.

 

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Hóquei em Patins

Notícias

Notícias Mais Vistas